O enigma do precariado e a nova temporalidade histórica do capital – Parte 2

O desvelamento do enigma do precariado por Giovanni Alves. Segunda parte.

Blog da Boitempo

Por Giovanni Alves.

[Leia a primeira parte do artigo clicando aqui.]

No documentário Precários Inflexíveis (de Giovanni Alves, Praxis Video, 2012) [veja trailer do filme no final do post], um jovem trabalhador precário português de 26 anos observou: “O problema para mim essencial é não conseguir planejar meu futuro. Não consigo ter noção daqui a três meses que é que eu vou estar a fazer; daqui a três meses que dinheiro que eu vou ter no banco; quais são minhas perspectivas de emprego; se posso ou não ter filhos; se posso ou não morar com alguém. Acho que este é o principal problema da precariedade, além dos vínculos laborais precários, dos baixos salários etc.; com eles vem sempre esse futuro que nos estão a tirar e além de todos outros direitos laborais…”. E conclui: “Ser precário é acordar de manhã e não saber se o dia que nos espera…

View original post 3,199 more words

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s