A educação do precariado

Educação e precariado por Giovanni Alves.

Blog da Boitempo

12.12.17_Giovanni Alves_A Educação do Precariado_Artigo BoitempoPor Giovanni Alves.

“Os meus sonhos, foram todos vendidos
Tão barato que eu nem acredito, ah,
eu nem acredito”
Cazuza

O termo “precariado” possui significados bastante controversos. Por um lado, Ruy Braga em seu novo livro A política do precariado (Boitempo, 2012) considera o precariado como sendo o “proletariado precarizado”. Por outro lado, Guy Standing no livro The precariat (Bloomsbury, 2010) não considera o precariado como proletariado, mas sim uma nova classe – “the new dangerous class”. Eu tenho utilizado o conceito de “precariado” com uma significação sociológica bem específica.

Primeiro, ele não constitui uma nova classe social, mas sim uma nova camada da classe social do proletariado. No século XXI, o proletariado como “classe” social amplia-se e diversifica-se, cada vez mais, no plano sociológico. Na medida em que se desenvolve o modo de produção capitalista e dissemina-se a lógica do trabalho abstrato pela vida social, universaliza-se a condição…

View original post 2,782 more words

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s